quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Arroz Jambalaya à minha moda


                                               Sabe quando vc tem vontade de preparar um prato que ao mesmo tempo coincide com a vontade de comer, risos, o prato tem nome... Jambalaya. Um prato típico da Louisiana, EUA. É uma mistura de sabores e temperos fascinante. E vc vai rir do porque da demora para preparar/fazer o prato, arroz nunca fotografa bem... riu?? Pois é... Se existe algo que não tem nada de fotogênico, tem um nome: - Arroz, risos... (vc acha que eu não penso na foto??? por isso, acredite em mim, esse prato é muito mais que uma foto). Fiz uma "adaptação" na receita, se vc procurar em sites americanos, vai verificar uma "modificação básica" na receita abaixo. Ok!!! Vc deve estar se perguntando por que eu modifiquei a receita... Eu te explico, uma das coisas que aprendi nas minhas viagens aos EUA, mesmo quando vc pede para tirar a pimenta... é HOT!!!, imagina se colocar ao pé dá letra a quantidade de pimenta... eu não acho, eu garanto que vai ficar HOT HOT HOT (muito apimentado). Embora nessas minhas excursões gastronômicas, estou apreciando um pouco mais apimentado, dentro dos limites aceitáveis, risos. Acredito que muita pimenta vc perde o paladar e o sabor, que são fundamentais. 
                                           O que diferencia e torna mais legal nesse prato? É essa mistura do camarão com a calabresa. Vc também pode acrescentar frango ao preparo. Através das minhas pesquisas, descobri que a palavra Jambalaya vem da junção de uma palavra francesa com uma africana, e nasceu no French Quarter na Lousiana. É um prato que tenta ser diferente do Espanhol "a Paella", e possui toda uma tradição. Jambalaya é um prato de uma panela - a maioria dos cozinheiros preferem cozinhar em panelas de ferro fundido.
                                              Há uma regra na culinária jambalaya. Depois que o arroz foi adicionado, jambalaya nunca deve ser agitado. Em vez disso, ele deve ser girado, pois isso evita que os grãos de arroz se separem. A maioria dos cozinheiros giram o jambalaya apenas duas ou três vezes após o arroz ser adicionado, com certeza aproveitar do fundo do pote para misturar o arroz uniformemente com outros ingredientes.  Jambalaya é um dos pratos favoritos nas feiras da igreja, comícios políticos, casamentos, reuniões familiares e qualquer outro caso com uma desculpa para servir comida.
                                              Em Gonzales, Louisiana, o Festival de Jambalaya e campeão mundial de Jambalaya é realizado anualmente. Este evento atrai participantes que passaram anos aperfeiçoando a arte de cozinhar e temperar este maravilhoso cozido. 
                                               Agora vamos ao que interessa, já escrevi muito Jambalaya, risos...

Ingredientes:

1 pacote de camarão cozido e descascado (400gr)
2 linguiças calabresas
3 colheres de sopa de azeite
1 cebola grande...
3 dentes de alho
1 pimentão vermelho
1 pimentão amarelo
1 lata de tomates pelados
2 xícaras de arroz
4 xícaras de água
Sal à gosto
1 colher de chá rasa de tempero cajun
1/4 de colher de chá de Pimenta cayena
1 Pimenta Jalapeño
100 ml de vinho branco
Tempero verde

Frite a calabresa no azeite, acrescente a cebola e alho. Quando branquear acrescente o arroz e deixe dar uma dourada, coloque o vinho e deixe evaporar. Acrescente o tomate da lata com o caldo e os pimentões já cortados. Acrescente a água já fervendo e o restante dos temperos. Deixe cozinhar com a panela destampada. Quando o arroz estiver seco acrescente os camarões e o tempero verde já picado. Ficou sensacional. Fritei mandiopã para ter uma diversão extra. Se vc quiser mais apimentado vá colocando aos poucos. No blog vou postar a receita com as dicas e substituições.
Dicas1 estou usando os camarões da Dellmare , por sua praticidade e qualidade. Fiquei muito, mas muito feliz mesmo com o resultado. E quando falo isso penso no sabor.
Dica 2 o pimentão é legal tirar a pele, boca do fogo ou maçarico para queimar, depois é só descascar.
Dica 3 coloque essas quantidades de pimenta, acredite, a Cayena é muito forte.
Beijos e até aproxima postagem.





Nenhum comentário:

Postar um comentário